A Goma de Mascar


  Série que não tem tanta viabilidade do público brasileiro, aborda de um jeito cômico e critico avida dos personagens de chewing gum ou seria sociedade?


 


       


 Chewing Gum é uma série de televisão de comédia britânica. Protagonizada e escrita por Michaela Coel, Robert Lonsdale, Susan Wokoma, Danielle Walters e Tanya Franks, está sendo exibida em seu país de origem pela E4 desde 6 de outubro de 2015. E também no mesmo ano na Netflix.


 Serie que traz historias inusitadas de personagens que vivem ao redor da protagonista Tracey... como de Ronald seu noivo extremamente religioso que nem se quer a beija.  por trás da religiosidade esconde um grande segredo.


 

Conheça, apaixone-se por Tracey!!!


  


   


Criada no subúrbio por uma família extremamente religiosa, Tracey está preparada pra atingir seu objetivo. E a primeira movimentação é perder a virgindade!


 Com 24 anos de idade, ela devia ser mais experiente. Mas é exatamente essa falta de noção que a faz uma pessoa tão engraçada, com seu jeito irreverente e inconsequente de ser.



Michael Coel| tracey


 Independentemente disso é preciso destacar o trabalho da atriz Michael Coel, que faz uma Tracey bastante crível, e o fato de a série discutir temas importantes, como religião, sexualidade, machismo, desigualdade social e racismo.



Resumindo


É difícil ter uma opinião fechada sobre Chewing gum. A comédia britânica tem uma alternância de bons e maus momentos. O que é comum quando se aposta no humor do absurdo: pode-se pecar por excesso, mas também são esses mesmos excessos que outras vezes fazem os espectadores chorarem de rir. Como dosar a mão? É esse equilíbrio que falta em Chewing gum para ser de fato uma série boa — a comédia está em algum lugar entre bom e regular. E você, o que achou? Conta aí nos comentários!



Chewing Gum
Duas temporadas disponíveis na Netflix.

[embed]https://www.youtube.com/watch?v=50A_5ryPtc0[/embed]