O que você esperava de Liga da Justiça?


A Liga da Justiça é o primeiro filme da Warner a reunir os maiores nomes DC Comics. Batman vs Surperman: A Origem da Justiça iniciou a formação da superequipe, que se uni em prol da humanidade, como os quadrinhos publicados á 60 anos.

O longa representa a mudança drástico caminho trilhado pela parceria Warner/DC nos cinemas. Enquanto o roteiro tenta lidar com as consequências das guerras dos filmes anteriores, a equipe protagonista não está em sintonia com a gravidade dos acontecimentos. Culpa e depressão rodeiam os conflitos de Batman e Ciborgue, mas o que ganha mais atenção são as piadas e o descompromisso de Flash, Aquaman e (quem diria) do próprio Batman.



O contexto do filme em si é bom mais tem alguns erros e pontos que podia ser melhor. Na minha opinião, poderiam ter feito pelo menos o filme de cada um desses heróis para que entendêssemos a origem de cada um deles, pois seria mais interessante para os viciados na saga de heróis. Os heróis de Liga da Justiça salvam o filme, ao lado do Superman, que pela primeira vez é retratado da forma clássica - um símbolo de esperança e poder.

[gallery size="medium" ids="2197"]

Onde há Superman, há esperança!


A DC podia ter feito uma imagem melhor, pois há muitos erros de imagens e uma imagem de péssima qualidade. Podemos ver quando aparece Lobo da Estepe, um dos vilões, a imagem dele ruim demais, o diretor parece não estar lá para evitar péssimos momentos de computação gráfica (remoção do bigode de Cavill) e outros de gosto duvidoso (construção do Lobo).

Enfim o filme é bom mais podia ser melhor, mas creio que a DC vai evoluir nos próximos filmes e desbancar a Marvel que, no caso hoje, supera todas as expectativas em questão de produções dos seus filmes e séries de super-heróis.

Liga da Justiça traz algo positivo para o futuro da DC nos cinema: o Superman. Se a primeira aventura da Liga não é memorável, ao menos ela serve para recuperar o primeiro dos super-heróis. Sim, há esperança.