De um curta para um longa, "Alguma Coisa Assim" retrata a transformação de uma relação


O longa "Alguma Coisa Assim" foi desenvolvido a partir do curta-metragem homônimo premiado em Cannes, em 2006. Nele, acompanhamos três momentos-chave da vida dos personagens Mari (Caroline Abras, rainha) e Caio (André Antunes). Os diretores Esmir e Mariana se reuniram em 2013 com o objetivo de dar sequência à história de Caio e Mari. Fizeram isso captando o reencontro dos personagens, vividos pelos mesmos atores, em São Paulo e, posteriormente, num novo momento, em Berlim, em 2016.

O resultado desse fit foi três encontros ao longo de uma década é o longa-metragem que mergulha na transformação da relação entre os dois através dos tempos e propõe uma reflexão sobre temas atuais, como sexualidade, rótulos, aborto e novas formas de família.

Através dos dois personagens e de três momentos, “ALGUMA COISA ASSIM” mostra uma geração que busca representatividade através dos próprios questionamentos. No curta, Mari e Caio são um jovem casal de amigos explorando a noite de São Paulo. É um tempo de descobertas de sua sexualidade e o que cada um sentia pelo outro. Já no longa, a história dos protagonistas é expandida e vai até a cidade de Berlim, na Alemanha.

Veja agora, na íntegra, o curta que deu origem a essa história de encontros, desencontros, sobretudo, de amadurecimento:

[embed]https://vimeo.com/132749863[/embed]

O filme tem estreia marcada para o dia 26 de julho e será distribuído pela Vitrine Filmes. #VivaOCinemaNacional



-


ALGUMA COISA ASSIM
Ficção | 2017 | 80’ | Brasil-Alemanha

Caio e Mari são dois jovens adultos cujo relacionamento está além de qualquer definição. Ao longo de 10 anos, o enredo transita entre 3 momentos marcantes em que seus desejos estão em conflito e seu relacionamento é posto à prova. Entre São Paulo e Berlim, acompanhamos a transformação das cidades e dos personagens, vivendo as dores e as delícias de uma relação sem rótulos.

Direção e Roteiro: Esmir Filho, Mariana Bastos
Elenco: Caroline Abras, André Antunes, Clemens Schick, Juliane Elting, Knut Berger. Participação afetiva: Lígia Cortez e Vera Holtz.
Produzido por: Esmir Filho, Thereza Menezes e Fernando Sapelli.
Coprodução: Jelena Goldbach
Direção de Fotografia: Juan Sarmiento (Berlim), Marcelo Trotta (São Paulo)
Montagem: Caroline Leone
Direção de Som:  Martín Grignaschi
Direção de Arte: Sandra Fink (Berlim), Marcelo Escañuela (São Paulo)
Figurino: Julina Zanetti, Maria Barbalho (São Paulo), Renata Gaspar, Sandra Fink (Berlim)
Trilha Sonora Original: Lucas Santtana, Fabio Pinczowski
Facebookhttps://www.facebook.com/algumacoisaassimofilme/