Resultado de imagem para Black Summer

Nesta terça selecionamos algumas séries da mãe Netflix que merecem sua atenção.






07 Indicações Netflix para Maratonar




Netflix sempre nos traz bons títulos, e alguns deles merecem uma atenção a mais de quem utiliza o serviço de streaming. Semana retrasada indicamos 07 animações que não deveriam ser esquecidas, essa semana as indicações estão todas disponíveis na mãe Netflix.








#1 Black Summer








Black Summer traz sobreviventes em um apocalipse zumbi, minha pergunta é: será que você estaria preparado para tal catástrofe? Eu tenho algumas graduações em Resident Evil, The Walking Dead, Fear The Walking Dead, Madrugada dos Mortos, Guerra Mundial Z e por ai vai, acho que estou preparado né?




Black Summer traz um apocalipse zumbi, uma cidade completamente no caos, e pessoas tentando sobreviver, seja com a ajuda do exército ou seguindo seu próprio caminho.





Com a temática “zumbis” mas estes aparecem pouco na trama. Temos mais o drama que os personagens passam ao precisar sobreviver, os caminhos, obstáculos, confiar em desconhecidos ou não? A cidade em caos completo, enquanto uns querem apenas sobreviver, outros se aproveitam da situação e não estão nem aí para o que irão fazer ou não.




Personagens aleatórios, histórias aleatórias, motivos aleatórios para sobreviver, e assim a missão de sobreviverem em grupo, mesmo sem um conhecer ao outro. Confiar ou não? Seguir em grupo ou não? Cada escolha pode levar a um caminho diferente, cada caminho traz obstáculos diferentes, será que eles estão preparados?




Black Summer é uma série boa e ao final te deixa com curiosidades e um gostinho de quero mais. Uma opção para toda a família se juntar e assistir, até porque uma nova graduação em apocalipse zumbi nunca é demais né?




Disponível no catálogo Netflix!








#2 Marianne








Marianne traz algo que muitas crianças já passaram em sua infância. Quem nunca viu ou sonhou com o “bicho papão” quando mais novo? Porém, no nosso caso, não passou de “imaginação infantil”, ou será que algo foi real?




Carreira crescendo a cada dia, afastada da família e sem muitos amigos, Emma (Victoire Du Bois) tem ao seu lado apenas a sua assistente Camille (Lucie Boujenah) que a acompanha em todas suas apresentações e sessões de autógrafos.





Porém, em certa sessão de autógrafos, Emma recebe a visita inesperada de uma amiga de infância, que não vê a mais de quinze anos. Carol diz a escritora que a mesma precisa voltar para a cidade de Elden, pois sua mãe diz ser a Marianne e quer conversar com a escritora.




A série não enrola para desenvolver sua história. De início já nos apresenta o enredo, e vai nos apresentando os fatos no decorrer dos episódios. Não precisa se preocupar em ficar com dúvidas referente aos acontecimentos, tudo que é apresentado é esclarecido, sem deixar pontos sem resoluções.




Impossível você assistir Marianne e não se perder no clima de terror e suspense que a série apresenta. Você se envolve com a história, com os personagens e com todo clima apresentado.




Por ser uma produção Francesa, eu não botei muita fé na série. Mas Marianne conseguiu me surpreender em todos os aspectos, uma série incrível e bem desenvolvida.




Disponível no catálogo Netflix!








#3 O Cristal Encantado: A Era da Resistência








Confesso que de primeiro momento iniciei a série O Cristal Encantado: A Era da Resistência sem vontade nenhuma. Sabe quando você começa a assistir algo “forçado”, sem nenhuma fé? Pois é, foi assim que comecei a assistir, e assumo: QUE SÉRIE INCRÍVEL!




Para quem não é acostumado com marionetes, pode surgir um certo incômodo ao primeiro contato com a série. Mas acreditem, esse incômodo passa rápido, pois o trabalho entregue é incrível e muito convidativo.





Nunca achei que uma série feita com marionetes poderia ser incrível em tantos pontos. O Cristal: Encantado A Era da Resistência traz uma onda de perfeição desde a criação da terra de Thra, os sete clãs, seus habitantes, criaturas diversificadas e toda a magia possível.




Uma aventura com muita ação, aventura, emoções e muita magia. Se prepare para querer defender Thra com seus guerreiros, porque a série te prende do início ao fim.




Disponível no catálogo Netflix!








#4 O Escolhido








Você se submete a misericórdia do sagrado Escolhido com toda honra e toda fé?




Com seis episódios, O Escolhido conta a história do vilarejo Águazul. Escondido entre as águas do complexo do Pantanal, o lugar é cheio de mistérios. Lucia (Paloma Bernardi), Damião (Pedro Caetano) e Enzo (Gutto Szuster) chegam ao vilarejo com a missão de vacinar a população. A vacinação obrigatória é devido a uma mutação do Zika Vírus que está se espalhando pelos arredores. Mas eles não imaginavam que dariam de cara com práticas questionáveis da população. Estas liberadas pelo O Escolhido (Renan Tenca).





O Escolhido traz um debate interessante sobre o que acreditamos ou não. O embate entre a ciência e a fé é algo que existe a gerações tentando encontrar um equilíbrio. Os médicos céticos, acreditando apenas na medicina, em certo ponto precisam ceder ao Escolhido.




História interessante, elenco conectado, uma experiência única para quem assiste, uma boa carga dramática e envolvente. E ao final, após o dever cumprido, vem a necessidade de uma segunda temporada.




“ A fé tem certeza. A ciência está sempre em dúvida. ”




Disponível no catálogo Netflix!








#5 Pose








“Quando você é rejeitado pela sua mãe ou seu pai, você sai procurando um lugar para preencher esse vazio de amor”. – Blanca (Mj Rodriguez)




POSE é mostrada no ano de 1987. Traz um grupo de travestis e suas histórias numa época que o preconceito estava em alta. O tema abordado ainda existe nos dias atuais, menor ou não, o preconceito ainda existe e interfere na vida de muitas pessoas.





Você ser excluído pela sociedade e seus familiares é um fardo que nem todos aguentam. Quantos deixam de viver a vida por isso? Quantos ficam sem dormir noites e noites pela rejeição? Quantos queriam apenas um abraço para se confortar?




A série cita também a doença HIV, que na época não tinha recursos para tratar a doença. E que inclusive a doença para a população era uma praga aos travestis.




A série traz o tema de uma forma delicada e importante. Pois para quem tinha a doença, só tinha uma certeza: a morte, já que não existia tratamentos.




Então se ainda não assistiu a série, corre para conhecer a história dos personagens e se emocionar também.




Disponível no catálogo Netflix!








#6 Titãs








Titãs foi uma série que teve bastante alvoroço após o vazamento de algumas imagens onde foi revelado a aparência dos personagens. Um dos pontos que mais causou polêmica foi o fato da personagem Estelar ser interpretada por uma atriz negra. Sim, ainda existe preconceito e sim, as pessoas preferem julgar antes de qualquer coisa.




A série chega realmente entregando um grande tom de violência. Cenas sangrentas já são exibidas no primeiro episódio, mas sempre de acordo com a proposta da história.





Temos uma ótima narrativa, com cada personagem tendo o seu espaço ao longo dos episódios. Mesmo que Dick Grayson seja o protagonista da série, o enredo é bem desenvolvido, incluindo episódios focados em cada personagem.




As cenas de lutas estão bem trabalhadas. Os efeitos estão bons. Uma das cenas que junta o quarteto contra uma família é tão boa, que a performance de Dick Grayson é digna de alguém que foi realmente treinado pelo Batman.




Disponível no catálogo Netflix!








#7 Dark








Dark nos fez “bugar” em sua primeira temporada com seu enredo e viagens no tempo. Na segunda temporada não é diferente, porém, quando achamos que teremos respostas, surgem mais perguntas. E sem dúvidas, a nossa mente frita muito mais.





Dark em seu segundo ano mostra que não está para brincadeira. A Netflix acerta na produção e não decepciona aos fãs com o retorno da série. Dark vai muito mais adentro em viagens no tempo e todas as ligações de um ciclo com outro.




Dark volta com tudo, trazendo uma série incrível e que vale a pena cada minuto, cada episódio. Sem dúvidas o gostinho de “quero mais” vai ficar para ano que vem (2020 – oremos), onde a expectativa para a última temporada venha tão incrível quanto as anteriores com as respostas para desenrolar a mente de todos os fãs.








E vocês, já assistiram as séries acima? Gostaram?
Caso tenha alguma série para nos indicar, basta comentar abaixo, ou nos enviar no Instagram.